Mesa de escritório: veja como escolher o modelo ideal

Postado em 08/02 em Escritório

As mesas para escritório precisam ser bem escolhidas, seja para um ambiente de trabalho, home office ou apenas para usar o notebook nos momentos de lazer. Devido a sua importância e função, ela pode ser considerada o item principal deste ambiente, servindo como base para todo projeto de interiores deste cômodo.

O ideal é escolher uma mesa que seja prática e funcional, assim como acontece com os demais itens de um escritório. O conforto também deve ser levado em conta, principalmente porque essa peça precisa auxiliar na produtividade. Há no mercado uma variedade de opções de mesas para escritório.

Foto: Pinterest

As mesas para escritório podem ser encontradas já prontas ou feitas sob medida. Neste último caso, as medidas do espaço precisam ser tiradas com atenção, para que a peça não fique com um tamanho desproporcional ao espaço disponível.

 

Escolha da mesa ideal

Não há mistérios de como escolher a mesa ideal para o seu escritório ou home office. O primeiro ponto a se considerar no momento da escolha é o tamanho da mesa. O tamanho ideal para essa peça deve ser entre 54 cm e 74 cm. Esse é um aspecto muito importante de ser observado, porque ajuda na ergonomia e postura no momento do trabalho. Lembre-se que o cotovelo precisa ficar de três a quatro centímetros abaixo da superfície. Já a cadeira deve estar a uma distância de, no mínimo, 20 cm da mesa.

É importante verificar se a mesa escolhida possui uma solução para passagem de fios, porque geralmente isso é necessário quando estamos falando de um escritório e home office. Também é importante checar se na mesa há gavetas, prateleiras e suporte para CPU e monitor, caso algum desses itens seja necessário.

Foto: Pinterest

Para espaços pequenos, a escolha por uma mesa sob medida é muito indicada. Isso porque os móveis planejados são feitos de maneira a atender as suas necessidades, respeitando sempre o espaço disponível no ambiente.

Também é importante pensar nas cores das mesas. Itens que possuem cores muito chamativas, como o vermelho, não são ideais, pois cansam rapidamente a visão e acabam interferindo na produtividade do profissional. Já as cores neutras enobrecem o ambiente, causando uma sensação de aconchego.

 

Autoportante ou plataforma?

A mesa autoportante possui uma estrutura suficiente para suportar ela mesma, além de uma fixação que pode ser no chão ou na parede. Já a mesa plataforma é mais fixa e conhecida como estação de trabalho. A escolha do modelo ideal vai depender de suas necessidades e das condições do espaço.

 

Opções de materiais para decoração

Engana-se quem pensa que não há diversidade de materiais na fabricação de mesas de escritório. A variedade de modelos é grande e isso ajuda que a peça seja compatível com as mais diversas inspirações. Conheça alguns:

Foto: Pinterest

Vidro: as mesas de vidro ajudam a conceder uma sensação de amplitude e, por isso mesmo, são bem recomendadas para escritórios pequenos. Bastante versáteis, essas mesas combinam com móveis de estilo clássico ou modernos.

Madeira: as mesas de madeira são as mais fáceis de combinar. Isso porque elas podem ser encontradas em tons escuros, bem como em tons mais claros. As mesas de tons mais escuros casam com inspirações coloniais e rústicas. Já as peças de tons mais claros, ficam bem com decoração mais clássicas ou com tons mais femininos. São as mais buscadas também pela sua resistência, durabilidade e sensação de aconchego.

Foto: Pinterest

Metal: se o escritório estiver decorado com um estilo industrial, então este é o material ideal para a sua mesa de escritório. Além disso, ele combina muito bem com espaços modernos.

Acrílico: as mesas produzidas com esse material concedem uma leveza ao ambiente, além de proporcionarem um ar mais sofisticado ao espaço.

Gostou do nosso conteúdo? Então compartilhe com os amigos em suas redes sociais. Você também pode se inscrever no blog e receber as novidades em primeira mão. Caso tenha uma dúvida sobre arquitetura e decoração, deixe logo abaixo nos comentários. Quem sabe não vira a nossa próxima pauta? Participe!

Sobre o Autor

Redação Casa para Viver">Redacao Casa para Viver